Felipe Lacerda - o escritor que diz Ni

Fevereiro 08 2010

Talvez você não saibas ainda, andas meio offline, mas meu amor por ti é como uma canção de glória de Tatooine, é como passar de fase no Donkey Kong, é como um solo de Guitar Hero. 

Você é meu Save Game, o cooler do meu processador, o meu botão de power, O Y do meu "meia lua pra frente". 

É o meu pokemón preferido, minha air guitar, meu controle remoto, meu login e minha senha, é meu password, você é minha manha de vida infinita. 

É a Força que está comigo, é a luz do meu sabre, minha princesa Léia, você é meu mestre Jedi.

Minha personagem de mangá de cabelo colorido, o pó do meu pirlimpimpim, seu cheirinho parece o cheiro de história em quadrinhos nova.

Você é o título do meu livro, os créditos do meu filme. Você é o cogumelo do meu Mário, o turbo do meu Top Gear, o Sonic do meu Master System.

Você é o Jo Ken Po do meu Alex Kid. É meu capacete do Darth Vader, a entrada onde conecto meu USB,

Amar você é como zerar Mario World com todas as estrelinhas, é como dar Fatality no Shao Khan. Amar você é como ter superpoderes, é usar uma cueca por cima da calça.

Você é minha fase bônus, meu bug no sistema, minha sére limitada, meu bonequinho do Jaspion, meu olho de Thundera, minha Espada de Greyskull. Você é o fantasminha do meu Pac Man, minha pecinha de Lego perdida, o trem do meu ferrorama, o game boy que eu jogo todo dia na cama.

Você brilha como as luas de Krypton,  é bela como as coxas de uma uma streeper de Sin City. Seus cabelos parecem um comercial de xampú. Ver você andar pela rua é como assistir a um filme de Rdley Scott, beijar você é como assistr qualquer coisa do Tarantino. Você, minha personagem do Woody Allen, meu vídiozinho pornô em 3gp, minha visão além do alcance (que faz meu olho de thundera crescer)...!

Tudo isso porque, do fundo do meu disco rígido, eu nerdicamente TE AMO. 

 

 

publicado por Felipe Lacerda às 16:18

pokebola, vai :)
você é o Mew do meu ginásio imaginário da cidade do Céu Púrpura.

ganhei \o/
marielle a 8 de Fevereiro de 2010 às 16:36

Nerdices a parte e gramatica a parte.
Meu caro amigo ja vi varias declarações suas e muitas das quais foram plagiadas (coisa que eu naum devia ter comentado).
Mais foda-se.
Meu caro acho que nesse texto vc conseguiu resumir o que realmente sei o que vc esta sentindo por essa garota.
Cara sei que ela esta te fazendo bem; pois tinha mais de meses que eu naum te via com cara de besta.
Pois é meu bom espero que agora va pra frente.
To aqiui e te dou todo apoio.
Um abraço.
Rafael L. Araujo a 9 de Fevereiro de 2010 às 01:18

"Você é a carta do meu baralho de yu-gi-oh! que sempre me faz vencer mesmo que eu esteja com 1 ponto de vida...."!
Lacerda os textos estao bons d++
E pelo visto vc tha apaixonado d++!!!
SUCESSO
FELICIDADES!!!!
Cadu Pagotto a 12 de Fevereiro de 2010 às 10:04

AH ESQUECI....

VOCÊ É O ZAP DO MEU TRUCO....
O FOCO DO MEU SHARINGAN....
Cadu Pagotto a 12 de Fevereiro de 2010 às 10:06

Alto, loiro, sarcástco, finamente irônico, ator, escritor, ano 87, à alcool, sére luxo, estofado de couro, rodas de liga leve, direção hidráulica...
O Autor
comentários recentes
Muito bom o seu post. A poesia é alog que sempre v...
Na boa cara, muito pomposo este seu artigo, mas v...
Adoro este blog e já o leio à alguns dias a acompa...
Eu não sei quem sou e você sabe quem é? E se não s...
"A poesia é a música da alma, e, sobretudo, de alm...
deve se orgulha sim você é o OVULOZORD Da turma a ...
Como vc num deu nome aos bois, vou concluir que fo...
Como estabelecido entre o conselho nobre... aqui e...
Aquela do "rédeleibou ou aici" é pior... Vai por m...
http://poecinzas.blogspot.com/2009/09/uma-carta-pa...
pesquisar