Felipe Lacerda - o escritor que diz Ni

Dezembro 01 2009

Foi mais ou menos assim que eu encerrei para todo o sempre meu debate ideológico com a bióloga criacionista. Bom, pode parecer estranho uma bióloga (darwinista convicta, diga-se de passagem)  ser criacionista, e eu já devia ter suspeitado quando ela decidiu pagar aquele sorvete. A gente envelhece e não aprende nadinha realmente útil. Todas as namoradas que tive foram por essa conversão perigosa de quinta marcha. Rápido e quase indolor. E quero me abster da culpa de não ter publicado nada ainda, mas como adverti, hibernei na minha caverna por um tempo pra botar o galinheiro em ordem. É essa a razão, e queria agradecer à  Nayara pelos comentários, embora isso não tenha nada a ver com esse texto, então deixa pra lá (mas tá agradecido, Nay!).

E foi bom demais rever o Roberto Mendes e trocar aquelas idéias metafísicas e espiritualistas na escada de um shopping center. Redescobrir a desesperança de um mundo que nos teme e odeia ao mesmo tempo em que o tememos e o odiamos. Tipo X-Men. E junte a isso nossos vinte e poucos anos e teremos....uma lista enorme de filmes pra alugar. E foi o que fizemos.

Tenho me ocupado ultimamente de coisas  as mais díspares possíveis. Uma HQ está sendo desenhada com total desespero e sufoco e o roteiro está sendo assinado por mim mesmo, baseado numa antiga coisa que pensei com o Cochise certa vez.. E tudo vai muito bem quando está bem, e não vou falar muito disso senão os invejosos de butuca vão azedar tudo outra vez e juro que se não terminar dessa vez,  vou cortar os pulsos com o lápis 6b.

O disco está indo às maravilhas (vocês ainda não sabem que disco é esse). Não tenho também o que falar à respeito a não ser que não achei a capa ainda. A gora deixa eu correr que meu horário tá apitando para o almoço.

Nota: Aprendi (mais ou menos) a dirigir e estou na auto-escola, e tô solteiro e tô a fim de mostrar os dentes e aceito o sorvete da Nayara e juro por Krishna que nunca mais entro dentro de um Fusca.

 

O Bom é que comprei uma outra rede pra minha casa e agora posso bancar o banana durante todos os 15 minutos de descanso que eu tenho por dia.

publicado por Felipe Lacerda às 13:37

ainda gosta de trash?
Teenage Caveman. No brasil Além da Escuridão. Assista, ria, ria e ria. (acho que queriam algo de terror)
Uma HQ sobre uma coisa pensada uma vez?
ElDorado?
Mencionar darwinismo é interessante... quero escrever algo sobre o tema inspirado na menina de 16 anos que morreu por abuso de anabolizantes sem perpeturar seus genes burros mostrando que a seleção natural ainda atua.

Bo'Jornada
cochise a 2 de Dezembro de 2009 às 02:11

Alto, loiro, sarcástco, finamente irônico, ator, escritor, ano 87, à alcool, sére luxo, estofado de couro, rodas de liga leve, direção hidráulica...
O Autor
comentários recentes
Muito bom o seu post. A poesia é alog que sempre v...
Na boa cara, muito pomposo este seu artigo, mas v...
Adoro este blog e já o leio à alguns dias a acompa...
Eu não sei quem sou e você sabe quem é? E se não s...
"A poesia é a música da alma, e, sobretudo, de alm...
deve se orgulha sim você é o OVULOZORD Da turma a ...
Como vc num deu nome aos bois, vou concluir que fo...
Como estabelecido entre o conselho nobre... aqui e...
Aquela do "rédeleibou ou aici" é pior... Vai por m...
http://poecinzas.blogspot.com/2009/09/uma-carta-pa...
pesquisar