Felipe Lacerda - o escritor que diz Ni

Agosto 31 2009

SÓ ESSA E PROMETO NUNCA MAIS PUBLICAR PIADAS AQUI, OK?

 

Duas amigas casadas, totalmente bêbadas, sentiram uma vontade irresistível de fazer xixi. Apavoradas e bêbadas, sem outra alternativa, pararam o carro e decidiram ir assim mesmo dar uma mijada no cemitério.

A primeira foi, se aliviou, e então se lembrou de que não tinha nada para se secar. Pegou a calcinha, secou-se e jogou-a fora.
A segunda, que também não tinha nada para se secar, pensou:
"Eu não vou jogar fora esta calcinha caríssima e linda." Então pegou a fita de uma coroa de flores, que estava em cima de um túmulo, e se secou. Esperta que era.
No dia seguinte um dos maridos ligou pro outro e disse:
"- a minha mulher chegou ontem em casa bêbada e sem calcinha...terminei o casamento".
E o outro fala, indignado:
-Você tem sorte, a minha chegou em casa com uma faixa presa na bunda com a  inscrição:
"Jamais te esqueceremos - Vagner, Moisés, Ricardo e toda turma da faculdade."
Enchi a vaca de porrada.

 

 

publicado por Felipe Lacerda às 17:01

Alto, loiro, sarcástco, finamente irônico, ator, escritor, ano 87, à alcool, sére luxo, estofado de couro, rodas de liga leve, direção hidráulica...
O Autor
comentários recentes
Muito bom o seu post. A poesia é alog que sempre v...
Na boa cara, muito pomposo este seu artigo, mas v...
Adoro este blog e já o leio à alguns dias a acompa...
Eu não sei quem sou e você sabe quem é? E se não s...
"A poesia é a música da alma, e, sobretudo, de alm...
deve se orgulha sim você é o OVULOZORD Da turma a ...
Como vc num deu nome aos bois, vou concluir que fo...
Como estabelecido entre o conselho nobre... aqui e...
Aquela do "rédeleibou ou aici" é pior... Vai por m...
http://poecinzas.blogspot.com/2009/09/uma-carta-pa...
pesquisar