Felipe Lacerda - o escritor que diz Ni

Junho 24 2009

Entenda-se por uma linguagem bastante Maomista, mas acho que na prática, quando se agrega e complementa a teoria e conceituação, é o modo mais eficaz de se obter uma conclusão ou experiência satisfatória.

Outro assunto, nada tem a ver com Mao, mas, de certa forma, até tem:

Dividir.

Nosso mundo fofo dos comerciais de danoninho nos ensina (via mamães e papais) que o bom cristão, aquele ser moral que idealiza sociedades aqui no ocidente, deve ser democrático. E acima de todas as coisas, deve ser caridoso.

Não sou de dar esmolas na rua. Se o faço às vezes, é muito mais por satsfação pessoal que por bondade em si. Aprendi que se quero algo da vida, preciso correr atrás. E se o que quero, no caso, for dinheiro, "correr atrás" significa trabalhar.

Antes que os humanistas e sociólogos de plantão venham me defenestrar, vociferando palavrões puxando-me à viisão da situação sócio bla-bla-bla do pais e do mundo, devo dizer, com sincero e honroso respeito, que o senhor da rua onde moro, 75 anos alegados, sustenta o netinho com a venda de doces e picolés na porta de uma escola pública. Isso sem a ajuda do netinho, que estuda naquela mesma escola. Eu disse sustenta, no sentiido mais difícil da coisa. Ao moleque, não falta nada. Do videogame ao leite, senhores. A casa é humilde, o vídeogame é bem velhinho, a TV não tem controle remoto. Mas ele sustenta tudo dignamente vendendo picolés.

Então não me venham com essa de que falta trabalho no mundo. Segundo o senhor Tião, do picolé que compro sempre, o que falta é vontade de trabalhar.

E quem sou eu pra discordar. Eu mesmo não tenho um trabalho, tenho um emprego. É, e quando fiquei desempregado, não quis trabalhar de empacotador numa rede de supermercados. Eu mesmo sou assim.  Ele tem razão, amigos: O que falta é vontade de trabalhar.

 

E o que sobre é vagabundo reclamão.

publicado por Felipe Lacerda às 13:17

Alto, loiro, sarcástco, finamente irônico, ator, escritor, ano 87, à alcool, sére luxo, estofado de couro, rodas de liga leve, direção hidráulica...
O Autor
comentários recentes
Muito bom o seu post. A poesia é alog que sempre v...
Na boa cara, muito pomposo este seu artigo, mas v...
Adoro este blog e já o leio à alguns dias a acompa...
Eu não sei quem sou e você sabe quem é? E se não s...
"A poesia é a música da alma, e, sobretudo, de alm...
deve se orgulha sim você é o OVULOZORD Da turma a ...
Como vc num deu nome aos bois, vou concluir que fo...
Como estabelecido entre o conselho nobre... aqui e...
Aquela do "rédeleibou ou aici" é pior... Vai por m...
http://poecinzas.blogspot.com/2009/09/uma-carta-pa...
pesquisar